Escolas de Governo da Polícia Militar

A formação, graduação, pós-graduação, aperfeiçoamento, habilitação e treinamento dos policiais militares são realizados por intermédio dos Órgãos de Apoio de Ensino Superior da Diretoria de Ensino da Polícia Militar. Sua missão precípua é promover com excelência a gestão de ensino, através de conhecimentos científicos e tecnológicos, humanísticos e gerais, indispensáveis à educação e à capacitação do policial militar, com o objetivo de torná-lo apto a atuar como operador do sistema de segurança pública em conformidade com a filosofia de polícia comunitária e de direitos humanos.

São Órgãos de Apoio de Ensino Superior:

  • Centro de Altos Estudos de Segurança "Cel. PM Nelson Freire Terra" (CAES);
  • Academia de Polícia Militar do Barro Branco (APMBB);
  • Escola de Educação Física (EEF);
  • Escola Superior de Sargentos (ESSgt);
  • Escola Superior de Soldados "Cel. PM Eduardo Assumpção";
  • Escola Superior de Bombeiros "Cel. PM Paulo Marques Pereira".
(extraído de http://www.policiamilitar.sp.gov.br em 1/10/2012)

Centro de Altos Estudos de Segurança "Cel PM Nelson Freire Terra" (CAES)

Centro com a missão de aperfeiçoar capitães PM, habilitando-os à ascensão ao oficialato superior (promoção a major e, posteriormente, a tenente-coronel), visando ao exercício das funções de oficiais de estado-maior e ao assessoramento no planejamento das missões legais atribuídas à Corporação. Também realiza o Curso Superior de Polícia (CSP), destinado aos oficiais superiores (majores e tenentes-coronéis), habilitando-os à promoção ao posto de coronel PM para desempenho de funções no âmbito político e estratégico da polícia paulista. São cursos obrigatórios destinados a habilitar o oficial ao acesso na escala hierárquica, conforme previsão legal.

Recentemente, Lei Complementar Estadual nº 1036/08, estabeleceu o Sistema de Ensino da Polícia Militar (nova Lei de Ensino da PMESP), proporcionado ao CAO e o CSP o reconhecimento como cursos de Mestrado e Doutorado em “Ciências Policiais de Segurança e Ordem Pública”, respectivamente, tornando o ano de 2008 histórico para a Polícia Militar do Estado de São Paulo.

(extraído de http://www.policiamilitar.sp.gov.br em 1/10/2012)

Academia de Polícia Militar do Barro Branco

A Academia de Polícia Militar do Barro Branco (APMBB), criada pela Lei 1.244, de 27 de dezembro de 1910, com a denominação de Companhia da Força Pública (nome à época, da atual Polícia Militar do Estado de São Paulo), e com atual denominação que lhe atribuiu o Decreto n.º 11.241, de 09 de março de 1978, é o órgão de apoio de ensino superior da Polícia Militar, com regime especial e de nível superior, que tem como missão a formação, habilitação, adaptação e especialização de Oficiais da Polícia Militar do Estado de São Paulo, buscando promover com excelência as atividades de ensino aos integrantes da Polícia Militar que se preparam para o exercício do Oficialato, tendo por referência a ciência pedagógica, a técnica policial e as relações humanas.

(extraído de http://www.policiamilitar.sp.gov.br em 1/10/2012)

Escola de Educação Física (EEF)

Responsável pela Graduação de Oficiais e Praças da Polícia Militar em Educação Física, também realiza especializações voltadas ao aprimoramento das doutrinas de policiamento e segurança pública. Promove atendimento fisioterápico e presta serviço ambulatorial nas especialidades ortopédica traumatológica e desportiva, voltada aos policiais militares e seus dependentes. São oferecidos os seguintes serviços: fisioterapia clássica, reeducação postural global, acupuntura, auricoloterapia, maithand, mulligan buço-maxilo-facial, mecanoterapia (musculação) e ainda possui os grupos de coluna, joelho e fisioterapia de traumatológica buco-maxilo-facial.

(extraído de http://www.policiamilitar.sp.gov.br em 1/10/2012)

Escola Superior de Sargentos (ESSgt)

Tem sua origem num dos mais tradicionais Batalhões de Polícia Militar do Estado de São Paulo, o 2º Batalhão. Destina-se a formar e aperfeiçoar sargentos policiais militares, pautada na ciência pedagógica, técnica policial, respeito ao meio ambiente e relações humanas. Busca consolidar-se como referência em liderança, com excelência e cultura de valorização das atribuições policiais militares. Premiada duas vezes com o Prêmio “Gestão Banas pela Qualidade” nos anos de 2006 e 2007, a Escola Superior de Sargentos oferece os seguintes cursos:

  • Curso de Formação de Sargentos (CFS) que prepara os Cabos de Polícia Militar ao exercício de cargos e funções inerentes à graduação de Sargentos da Polícia Militar do Estado de São Paulo e de outros Estados do Brasil;
  • Curso de Aperfeiçoamento de Sargentos (CAS) que prepara os 2° Sargentos a exercerem os cargos e funções inerentes à graduação de 1° Sargento PM e Subtenente PM. Curso ou Estágio de Especialização de Praças (CEP/EEP) da PMESP e de outros Estados do Brasil, para a área de ensino e instrução, pelos Cursos ou Estágios de Técnicas de Ensino e Gestão de Ensino.
(extraído de http://www.policiamilitar.sp.gov.br em 1/10/2012)

Escola Superior de Soldados "Cel PM Eduardo Assumpção"

A Escola Superior de Soldados, busca continuadamente aperfeiçoar o currículo de formação do Policial Militar, tendo a partir de 1995, recepcionado e implementado a ideia do Policial Comunitário, como nova filosofia educacional. Além da atividade precípua de formar o Soldado PM de 2ª Classe masculino e feminino, realiza também o Curso de Direção Defensiva aos Oficiais e Praças da Corporação.

Já foram formados até a data de hoje 25.082 (vinte e cinco mil e oitenta e dois) Soldados, tendo como seu efetivo atual 1172 (um mil e cento e setenta e dois) alunos em formação. Também é responsável fiscalizar os cursos de formação de soldados PM em outras 23 (vinte e três) unidades formadoras em todo o Estado de São Paulo.

(extraído de http://www.policiamilitar.sp.gov.br em 1/10/2012)

Escola Superior de Bombeiros "Cel PM Paulo Marques Pereira"

Trata-se de um tradicional órgão de ensino, localizado numa região privilegiada do município de Franco da Rocha, próximo à cidade de São Paulo, rodeado de muito verde, ar puro e às margens da represa de Mairiporã, contando com uma área de cerca 109 hectares e uma área construída de 51.000 m2.

Tornou-se um referencial nacional no que tange à formação e especialização de Oficiais e Praças, nas diversas áreas, como combate e prevenção contra incêndios, salvamento terrestre e aquático, pronto-socorrismo, defesa civil e do meio ambiente, destacando-se os cursos de:

  • Curso de Bombeiros para Oficiais;
  • Curso de Bombeiros para Sargentos;
  • Curso de Formação de Soldados;
  • Curso de Mergulho Autônomo;
  • Curso de Salvamento em Altura;
  • Curso de Salvamento Terrestre;
  • Curso de Instrutor e Monitor de Resgate e Emergências Médicas;
  • Curso de Resgate e Emergências Médicas;
  • Curso de Guarda Vidas;
  • Curso de Produtos Perigosos.
(extraído de http://www.policiamilitar.sp.gov.br em 1/10/2012)